Top

Arte em Quarentena — Rita Gaspar Vieira

A UMBIGO convidou vários artistas a refletir sobre a era em que estamos a viver e a pensar a sua produção artística em tempos de quarentena.

Projeto da autoria da artista Rita Gaspar Vieira.

Rita Gaspar Vieira, Stemma, 2020. Fragmentos de objetos de argila encontrados, papel de algodão 100% manufaturado e mesa de madeira, 92 x 100 x 50 cm

O vocábulo stemma (do grego: στέμμα) significa ligação, uma linha de união; em latim estava também associado a uma ideia de árvore genealógica. Em filologia usa-se ‘stemma codicum’ para designar a ‘família’ ou relação de dependência entre cópias / códices com o mesmo texto; comparando-os, consegue-se fazer a edição crítica do texto antigo, o mais parecido possível do que seria o texto original.

Neste contexto de confinamento, temos uma oportunidade para repensar os nossos modelos de atuação e de uso diário, aproximando o nosso olhar de valores essenciais. O projeto Stemma propõe ligações de fragmentos de objetos – cópias produzidas em série, partidas e ‘desligadas’. Estas ligações são conversas ou reencontros de potenciais famílias (de objetos), promovidos pelo ‘toque’. O texto original pode agora ser reencontrado à mesa, nas memórias dos gestos evocadas, que recuperadas, nos permitem seguir vivendo….

Subscreva a nossa newsletter!


Aceito a Política de Privacidade

Assine a Umbigo

4 números > €24

(portes incluídos para Portugal)