RESULTADOS DA PESQUISA

‘Put Some Food on it’

  • none

As opiniões dividem-se entre: não vás lá, aquilo é horrível, e, fica lá duas noites  se quiseres gastar dinheiro em festa rija, karaoke e lutas de anões. Fui na mesma, que não há muitas outras maneiras para sair das Filipinas. Ao chegar começo a partilhar da primeira opinião, o caminho aeroporto-hostel é desolador com quarteirões […]

  • none

Nem sei bem porque é que decidi parar em Port Barton. Quem chega a Palawan – votada melhor ilha do mundo por certo estudo – é quase obrigado a ir a correr para El Nido e, os mais cool ainda, daí para Coron. Só que hordas de turistas e sítios da moda nunca me fizeram […]

  • none

Aterrei em Puerto Princesa num aeroporto do tamanho do tapete onde saem as malas. A cidade fica a 2km e finalmente cheguei à Ásia que imaginava a partir de casa. Chão de terra batida, barracas, falta de electricidade, crianças descalças, cabras na estrada: era assim que eu imaginava todo este lado do mundo. Parva. Vi […]

  • none

Chegamos novamente à selva, desta vez sem fronteiras urbanas (achava eu). Passámos por Kota Kinabalu, Ranau, Sepilok, Sandakan, tudo para ver macacos, mas afinal o que mais me surpreendeu foram as pessoas. Mais mais não sei, que não é fácil competir com macacos, mas muito, vá. A partir de Kinabalu todos nos olham como saídos […]


Artigos Recentes

Diários do Umbigo