DIÁRIOS DO UMBIGO

  • none

No verão de 1998, o Boom Festival ainda ocorria na floresta mágica da Marateca. No Chill Out, debaixo da tenda marroquina ou de um cogumelo gigante, por vezes, fazia o pino para reverter o sangue e, assim, poder voltar a uma das pistas de dança. Numa das noites, durante um live act dos Jazzanova na pista […]

  • none

A minha escolha desta semana é um hino ao amor de alguém que já tentou tudo e nada resultou. É uma canção pop de Dntel (Jimmy Tamborello), com letra e voz de Ben Gibbard, transformada por Superpitcher numa faixa de pista de dança com uma batida firme sob uma ambiência de êxtase total. O golpe […]

  • none

Havia um festival nas piscinas da Régua chamado Dance in Douro, em que os convidados seguiam viagem do Porto à Régua numa festa com DJ’s a bordo de um barco com bebidas, comida, muita música, 8h de vinhas verdejantes, sol, subida de duas barragens e amigos. Era talvez a festa mais desejada do ano, até […]

  • none

Em 1992 fui de férias para o Algarve com uns amigos. Saíamos à noite todos os dias. Numa dessas noites fomos à Trignometria na Quinta do Lago, que tinha uns patamares ao redor da pista e uma espécie de varanda a toda a volta. Gostava de ir cedo para as discotecas para poder dançar e […]


Diários do Umbigo

Newsletter

Subscreva-me para o mantermos actualizado: