NOTAS SOLTAS

  • none
por

Erika Lust é uma realizadora de filmes porno e na Umbigo #51 o nosso colaborador João Luís Amorim fez-lhe uma entrevista sobre a forma como esta realizadora dá a volta a este mundo dominado de forma machista por uma indústria cruel. Segundo escreve: "A mulher num filme porno é um objecto, satisfaz-nos todas as fantasias masculinas e no fim sorri para a câmara com a maquilhagem desfeita e as mamas de plástico a cintilar. Eles são musculados, têm pilas maiores que o Burj Khalifa e são tão interessantes como um bloco de cimento. É preciso uma revolução".

É essa revolução que Erika leva a cabo e aqui vos deixamos os seu manifesto "It's Time for Porno to Change", uma inspiradora conversa sobre a pornografia de hoje.

Notas Soltas

Newsletter

Subscreva-me para o mantermos actualizado: