DIÁRIOS DO UMBIGO

  • none

Há alguns anos atrás existiram umas festas que começaram como pequenas reuniões de amigos em bares da linha do Estoril. Sob a temática de Candy House ou Flores, estas festas foram ganhando notoriedade e, apesar de só serem publicitadas por sms, acabaram por ter centenas de pessoas nas últimas edições. Uma dessas festas ocorreu no Cocunuts, aquela discoteca quase em cima do mar, ali em Cascais. Nessa tarde, sabíamos que era para dançar a valer e toda a gente sabia ao que ia. Após algumas horas de dança entre amigos e conhecidos, desci, pelas escadas de pedra no exterior, até junto do mar. Já estava a anoitecer e fiquei ali a contemplar e a receber aquela energia do mar. Lá de cima foi surgindo uma música que me fez começar a rodopiar de braços abertos junto ao mar. A música dizia:

you bring light in

you bring light in

you bring light in

you bring light in to a dark place

walking in light, glowing walking in light

Era a faixa Two Months Off, acabada de sair, que tocava e me fez subir ao céu. Felicidade extrema, sinos e percussão.

Que momento este! Os Underworld, em comunhão com o mar, deixaram-me de baterias recarregadas e subi a escada de volta à pista de dança. Uma amiga perguntou-me onde tinha estado. Disse-lhe que tinha ido ver o mar. Ao que ela muito espantada responde: O mar? Mas onde está o mar? Eu não pude conter uma gargalhada, pois o Cocunuts tem uma janela giganstesca para o mar, e disse-lhe: Basta olhares para a janela! Ela estava tão concentrada na música que ainda não tinha saído do meio da pista. E assim continuámos a dançar até à meia noite. Grande festa!

facebook.com/nupidj

ARTIGOS RELACIONADOS

Diários do Umbigo

Newsletter

Subscreva-me para o mantermos actualizado: