Top

Master Baker, de Ana Fonseca

Ana Fonseca inaugura no próximo dia 8 de agosto, pelas 18:30, na Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa, a exposição Master Baker, um retrato humorado e irónico sobre as contradições quotidianas das sociedades modernas.

Fazendo recurso dos códigos e símbolos da cultura fitness – alteres, pesos, etc. –, e cruzando-os com os apetites imperiosos da gula, Fonseca discorre sobre as fronteiras de privação e superação, peso e leveza, prazer e sacrifício. O corpo está presente, como espetro oscilante entre estes vários polos, dividido entre os parâmetros canónicos e saudáveis, e o desejo instantâneo do apetite e do prazer visual dos doces. A satisfação duradoura, ou a satisfação instantânea balançam em cada ponta dos halteres, travestidas de guloseimas e bolos e revestidas de um brilho açucarado. No final, fica falha e o cansaço, de quem corre para poder comer mais.

Uma outra visão alude para uma cultura urbana das cidades e das redes sociais, das montras de pastelaria na vizinhança de ginásios e clubes desportivos, das publicações gastronómicas seguidas das selfies de influencers de corpos trabalhados. Essa cultura visual é mesclada e trazida para o espaço galerístico, como ensaio de vivências e comportamentos díspares do quotidiano.

Até 30 de agosto, na Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa, com organização da Ocupart.

Subscreva a nossa newsletter!


Aceito a Política de Privacidade

Assine a Umbigo

€24

(portes incluídos para Portugal)